10 Profissões Mais Bem Pagas no Brasil

Nos últimos anos, o fator crucial na escolha da carreira, são as remunerações. O que deveria  ser mais importante para direcionar a escolha da profissão, seria o que mais gosta, o que tem haver com a personalidade, no entanto, isso vem mudando cada vez mais. O nível salarial é o X da questão, é o que tem determinado na hora de escolher o que fazer. Porém passar a vida toda fazendo algo que não gosta pode ser bem desgastante, o ideal é escolher a área em que tenha afinidade e que tenha mais a ver com a sua personalidade. Mas, poucos são os sortudos que conseguem fazer o que amam e ainda ganhar muita grana com isso.

Sonho de profissão ou ganhar mais?

Apesar de parecer assustador o candidato escolher o que poderá lhe trazer maior retorno financeiro ao invés do que realmente tem aptidão, não é errado. Pelo contrário, está mostrando maturidade ao se preocupar não só com o ingresso na carreira, como também se terão retorno profissional após todo o empenho e esforço durante o curso.

Não é difícil encontrar pessoas que trocam muitas vezes a carreira dos sonhos por uma que se apresenta com maior retorno financeiro. Inclusive muitos saem da universidade diante de oportunidades que não exigem curso superior e optam por cursos técnicos. O importante é nunca parar de estudar ou se acomodar, a busca deve ser incessante na procura de se reciclar e se aprimorar para estar pronto quando a melhor oportunidade surgir.

Atualmente as carreiras mais bem pagas são a de juízes e desembargadores, entretanto antes de terem esses cargos, eles precisaram passar pela faculdade de Direito e, posteriormente, dedicar-se novamente aos estudos para serem aprovados em concursos públicos bastante concorridos. São carreiras bem específicas e com um longo caminho a ser percorrido.

No ranking das profissões com melhor remuneração há algumas que se mantêm fortalecidas no mercado de trabalho, como a medicina e engenharia, seja pela demanda crescente por profissionais qualificados, ou por especializações que dão conta de atender às novas demandas.

 

Profissões mais bem pagas no Brasil

 

1-    Medicina

A Medicina vem em primeiro lugar, as áreas de Saúde e Qualidade de Vida garantem ótimos salários aos profissionais. Quanto maior a especialização e o tempo de carreira, maior a remuneração. A média nacional para profissionais formados em Medicina é de R$ 8,4 mil e a cirurgia plástica é a especialidade com maior retorno, garantindo salário médio de R$ 18,5 mil. Já os profissionais que aliam uma graduação a outras formações multidisciplinares podem conquistar patamares mais altos. O salário de um Diretor Médico pode chegar a R$ 50 mil.

 

2- Engenharia

A carreira na área de Engenharia vem em segundo lugar, perdendo apenas para a área de Medicina. Os segmentos de atuação mais recentes e que devem manter altas médias salariais nos próximos anos, são a Engenharia Ambiental e a Engenharia de Petróleo e Gás. Um Engenheiro Ambiental, por exemplo, tem salário inicial de R$ 3,6 mil e um Engenheiro do Petróleo têm salário médio de R$ 15, 5 mil, podendo chegar a R$ 60 mil, em cargos gerenciais.

 

3-    Direito

As áreas que estão garantindo melhor remuneração são de Direito Empresarial, Internacional, Tributário e Civil. É um setor com grandes oportunidades também em concursos públicos. Um Assessor Jurídico pode ganhar até R$ 7 mil, e esse mesmo valor corresponde à média salarial nacional de um Advogado Empresarial. Já um Diretor Jurídico do mercado financeiro pode ganhar até R$ 40 mil.

 

4-    Administração

A Administração é considerada, hoje, uma área primordial para garantir a eficiência e competitividade das empresas. O administrador tem vasto campo de trabalho e pode atuar nos mais variados setores financeiros. Para garantir uma boa remuneração, este profissional deve buscar especializações e acumular experiência. Um Supervisor Administrativo tem salário médio de R$ 4,9 mil e um Consultor Financeiro ganha, em média, R$ 7 mil. No auge da carreira, um Diretor Financeiro pode chegar a ganhar R$ 30 mil, nos grandes centros.

 

5-    Tecnologia da Informação

As profissões da área de TI, além de bem remuneradas, apresentam rápida valorização. Um Analista de Sistemas em início de carreira, por exemplo, tem salário médio de R$ 4,2 mil. Em três anos, sua média salarial pode chegar a R$ 7 mil. Com mais de dez anos de experiência, sua remuneração alcança R$ 17 mil. Isso sem falar nas possibilidades de especialização: um profissional de TI no Brasil com mestrado recebe o piso salarial médio de R$ 9,2 mil e um Diretor Técnico e de Operações do mercado de tecnologia pode ganhar até R$ 50 mil.

 

6-    Marketing/Vendas

A carreira profissional na área de Vendas e Marketing vem alcançando grande espaço no mercado. Esta é uma profissão essencial para o bom relacionamento entre os clientes e as organizações e tem sido muito valorizada nos últimos tempos. Um Gerente de Atendimento tem salário inicial médio de R$ 4,5 mil, podendo chegar a R$ 7,3, valor semelhante à média nacional do salário de um Analista de Marketing, R$ 7,5 mil. A média nacional para a função de Diretor Comercial é de R$ 17,9 mil e um Diretor Comercial da área de Telecom, no auge da carreira, pode ter remuneração de até R$ 50 mil.

 

7-    Recursos Humanos

O executivo de Recursos Humanos está entre os profissionais mais requisitados pelo mercado, por desempenhar papel cada vez mais estratégico nas organizações. A remuneração das carreiras da área de RH dobrou nos últimos anos.  Um Coordenador de Cargos e Salários tem média salarial de R$ 6,4 mil e um Gerente de Desenvolvimento de Recursos Humanos tem remuneração média de R$ 8,6 mil. O cargo de Diretor de Recursos Humanos está no topo da categoria, com salário de até R$ 43 mil.

 

8-    Estatística

O estatístico pode trabalhar em institutos de pesquisa, organizações financeiras e de tecnologia, apenas para citar alguns setores, com salário inicial de R$ 4.780,29. Um segmento que está em alta para esse profissional é o da Ciência de Dados (Big Data), que pode oferecer remuneração superior a R$ 30 mil.

 

9- Setor Militar e de Defesa

Quem tem vocação para seguir a carreira militar encontra estabilidade e boa remuneração. O ingresso pode ser pelo alistamento nas Forças Armadas e por concurso público, sendo que há uma série de cursos superiores tecnológicos neste setor. O salário médio é de R$ 7.695,84, o Distrito Federal é a região que paga os maiores salários para policiais militares, onde um coronel pode ganhar cerca de R$ 21 mil, mais benefícios e gratificações.

 

10-    Ciências econômicas e contábeis

O economista é o profissional que, através do exercício da sua profissão, contribui para o desenvolvimento e qualidade de vida da população, sendo considerado como responsável por criar, administrar e aumentar riquezas. Os profissionais da área de economia dividem espaço no mercado de trabalho com graduados em informática, direito, engenharia e/ou administração. Quanto maior a especialização, maior o salário, que pode variar entre R$1.800,00 para profissionais recém-formados, R$4.150,00 para profissionais com experiência de mercado e R$9.210,00 para profissionais especializados.